Budapeste

Depois de uma viagem de trem, ônibus, trem, ônibus e mais um trem, chegamos em Budapeste. E como valeu a pena!


Budapeste é dividida pelo rio Danúbio em Buda e Peste. Buda é a parte alta da cidade e Peste a parte mais movimentada onde estão quase todas as atrações. Os dois lados se ligam por pontes, cada uma com sua própria personalidade.

Em Buda fica o castelo Budai Vár que foi classificado como monumento histórico pela UNESCO. De cima tem-se uma linda vista panorâmica de Peste, com destaque para o imponente Parlamento.






O parque Varoslignut é uma enorme área verde bem no meio da cidade onde fica o mais tradicional banho termal, o Széchenyi, que tem várias piscinas naturais em diferentes temperaturas e saunas de até 70 graus. 




A poucos metros dali está a Praça dos Heróis, que fica de frente para a Andrassy street, rua toda arborizada que também é um patrimônio da UNESCO onde ficam localizadas várias embaixadas e outros prédios com bela arquitetura. 


Outro ponto clássico da cidade é o New York Cafe, que fica no luxuoso Hotel Boscolo. Vale uma parada para fotos pela arquitetura e decoração. 



A maior Sinagoga da Europa, que fica no distrito judeu, impressiona pelos detalhes em sua construção. Nessa área, encontram-se vários bares construídos em antigas ruínas e também street art por todo lado. Nosso bar favorito foi o Szimpla que tem uma decoração pra lá de alternativa!





Visitamos também o bar Élesztő que foi contruído em uma antiga fábrica de vidro e transformado em beer garten com ótimas opções de craft beer!



Um dos pontos altos da cidade é a basílica de St. Stephen's que nos impressionou bastante por fora assim como pelo seu magnífico e luxuoso  interior.


Como somos viciados em feiras e mercados, não poderíamos deixar de visitar o famoso Vásárcsarnok. O local possui mais de 10.000m2 e é revestido por uma estrutura de aço. Nos 3 andares, encontramos carnes, doces típicos, tempeiros, restaurantes, e lojinhas de souvenirs.

A cidade a noite, toda iluminada, é ainda mais bonita! Passamos pelo teatro municipal, o Bartók Béla National Concert Hall e o Palácio das Artes. Mas o melhor ainda estava por vir, fomos até  a Gellért Hill para uma das vistas mais impressionantes dessa viagem! 


1 comment:

Cristina Rocha said...

Que bela cidade é Budapeste! Mais linda à noite!

Post a Comment